Sobre armas e a Síria

Por Fernando Grostein Andrade

“A Guerra é excelente para os negócios. E a Síria, hoje, é o melhor negócio que há”. Robert Muggah, especialista em trafico de armas.

No episódio de hoje aqui no blog @grosteinandrade na Folha vamos conversar com Robert Muggah. Ele é um dos maiores especialistas em um tema que ninguém quer que as pessoas conheçam a fundo: a Indústria das armas.

Por anos Rob seguiu os passos do traficante de armas russo Viktor Bout, que inspirou o personagem de Nicolas Cage no filme “Senhor das Armas”, filme que também fez consultoria. Presente nas guerras do Afeganistão e Iraque, ele atua como consultor de diversos meios de comunicação, como o The New York Times, CNN e BBC e também atua com o desarmamento mundo afora. Ele fala, como poucos, as verdades e os tabus dessa máquina de dinheiro e violência que move o mundo hoje.

Rob já viajou o mundo mapeando o comércio de armas – principal patrocinador das guerras mundo afora e que é o grande responsável por tantas mortes atualmente.

O mundo não se calou com a Guerra da Síria. Nem com a Guerra sangrenta na República Democrática do Congo. Tampouco se calou com os conflitos entre Ucrânia e Rússia ou com o genocídio em Ruanda. O que falar então dos inúmeros jovens assassinados nas periferias de todo o nosso país por armas de fogo? O que esses banhos de sangue tem em comum? No filme desta semana, um pouco sobre armas, sua cultura e os bastidores deste grande negócio.